Experiências Multissensoriais | Estímulos Visuais – Parte #2
Experiências Multissensoriais | Estímulos Visuais – Parte #2

Experiências Multissensoriais | Estímulos Visuais – Parte #2

No primeiro artigo sobre o impacto dos estímulos visuais na percepção, escrevi sobre como nossa mente busca ordem e lógica para organizar as informações. E como isso pode impactar de forma positiva (ou negativa) na tomada de decisão de compra. No segundo artigo da série, irei falar sobre impacto das cores na nossa percepção.

Quando falamos sobre o impacto das cores, muitos acreditam se tratar de um assunto místico sem qualquer fundamentação científica. Mas a verdade é que as cores são poderosas influenciadoras de nosso comportamento.

Em um estudo, trinta celas destinadas a receber prisioneiros agressivos foram pintadas de rosa em presídios na Suíça. Os psicólogos queriam saber como a cor poderia alterar o comportamento dos presos, no caso adultos do sexo masculino, bastante violentos.

Mas porque utilizar especificamente a cor rosa?

A cor rosa é considerada por alguns psicólogos como uma cor calmante, que poderia ajudar a tranquilizar sentimentos de raiva. Além disso, o rosa é também uma cor culturalmente relacionada ao sexo feminino, e isso poderia também contribuir para acalmar os impulsos agressivos dos presos, ao serem confinados em um “quarto de uma garotinha”.

Quarto rosa para presos agressivos
Quarto rosa para presos agressivos

Os resultados foram surpreendentes. De acordo com a psicóloga Daniela Spath, que defendeu o projeto “A cor rosa nas paredes ajuda a reduzir os níveis de raiva em menos quinze de minutos”.

O simples fato de mudar a cor do ambiente fez com que o comportamento dos presos mudasse drasticamente. As implicações de achados como esse para o ponto de venda são enormes.

A seguir, fiz uma seleção de como as cores influenciam nosso comportamento. Espero que ajude na hora de você decidir quais cores pretende adotar para sua loja!

Azul

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: a cor predileta, cor da simpatia, da harmonia e da felicidade, apesar de ser fria e distante.

Na psicologia pode ser associada à confiança, segurança, calma, profundidade, estabilidade, sucesso, saúde, higiene e cura.

Vermelho

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: a cor de todas as paixões – do amor ao ódio. A cor da felicidade e do perigo.

Na psicologia pode ser associada à coragem, liderança, energia, perigo, força, poder, desejo, sexualidade, amor e virilidade. Em relação ao consumo, pode ser usado para estimular (no caso de alimentos) e evitar (no caso de objetos ou situações perigosas).

Amarelo

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: a cor mais contraditória. Otimismo e ciúme. A cor da recreação, do entretenimento e da traição.

Na psicologia pode ser associada à energia, alegria, otimismo, esperança e espontaneidade. Associada a outras cores, como o preto, traz a ideia de credibilidade.

Verde

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: a cor da fertilidade, da esperança e da burguesia. A natureza e o natural.

Na psicologia pode ser associada à vitalidade, frescor, harmonia, fertilidade, renovação, abundância, ponderação, coerência, segurança e dinheiro.

Preto

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: a cor do poder, da violência e da morte. Cor da negação e da elegância.

Na psicologia pode ser associada ao comportamento sexual, agressividade e medo. Também sugere nobreza e distinção.

Branco

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: a cor da inocência. A cor do bem e dos espíritos.

Na psicologia pode ser associada à pureza, criando a impressão de luminosidade. Também possui a propriedade de transmitir a ideia de frescor e calma.

Laranja

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: a cor da recreação, do exótico. É uma cor penetrante e estimulante.

Na psicologia pode ser associada à amizade, entusiasmo, dinamismo, alegria, criatividade, determinação, atração, sucesso, encorajamento, impulso e estímulo.

Violeta

Aspectos culturais relacionados à cor, segundo livro A psicologia das cores: do púrpura do poder à cor da teologia, da magia, do feminismo e do movimento gay. É resultante da mistura do vermelho (energia) com azul (tranquilidade), e por isso também transmite equilíbrio.

Na psicologia pode ser associada à sabedoria, independência, criatividade, arte, cultura, riqueza, extravagancia, otimismo, realeza, espiritualidade, mistério e magia.

Rubens Sant'Anna

Rubens Sant'Anna é um dos maiores especialistas em Trade Marketing do Brasil. Com mais 15 anos de experiência, atuou para marcas líderes mundiais de bens de consumo nos mais variados segmentos. Foi o introdutor do Trade Marketing no Sul do Brasil, tendo idealizado a primeira Pós-graduação nessa área na ESPM-Sul, onde é professor titular. É autor dos livros Planejamento de Trade Marketing - O domínio do canal de vendas e Neuromarketing explica por que você compra. Com formação em arquitetura e urbanismo, MBA em Gestão Empresarial e especialização em comportamento do consumidor, é também empresário e palestrante.

Deixe uma resposta

Fechar Menu